Essa jovem pensava que fossem picadas de insetos em seu cachorro, mas quando o veterinário viu chamou a polícia na mesma hora – Saúde Fitness

Essa jovem pensava que fossem picadas de insetos em seu cachorro, mas quando o veterinário viu chamou a polícia na mesma hora

Essa jovem pensava que fossem picadas de insetos em seu cachorro, mas quando o veterinário viu chamou a polícia na mesma hora

Na primavera passada, Hayden Howard percebeu que havia algo de estranho quando viu seu cachorro regressar a casa. Jackson, um Mastim Inglês estava brincando no quintal, enquanto sua dona estava dentro de casa. Quando ela o chamou, pareceu-lhe que o animal estava coberto de picadas de insetos. Mas ela não podia estar mais errada

Depois de uma inspeção mais próxima, ela percebeu que o que estava acontecendo era algo ainda mais terrível. Seu corpo estava coberto de furos de bala. “Fiquei completamente chocada, não sabia o que pensar.”, disse a mulher. Quando ela percebeu que Jackson havia sido baleado, ela imediatamente o levou ao veterinário. Durante o cuidado, foram encontradas muitas balas provenientes de uma pistola de ar comprimido.

“Havia uma debaixo da pálpebra, uma na orelha, uma no joelho, havia em todos os lugares.”, disse Hayden. Haviam tantas que o veterinário imediatamente raspou o seu pêlo, para facilitar o processo. No total, eles removeram 27 balas do corpo Jackson. Como é que alguém é capaz de algo tão cruel?

Não conseguimos entender como alguém pode ser tão cruel com um cão que não fez absolutamente nada. A polícia começou a investigar e algumas armas de fogo foram encontradas na casa de um vizinho que havia sido condenado por delitos de tráfico de drogas.

As autoridades ainda estão à espera de uma resposta do laboratório para descobrir se as balas combinam com as armas encontradas. Mas eles estão convictos que estão no caminho certo. Esperemos que apanhem esse monstro e que ele pague por todo o mal que fez… Apesar desse grande susto, Jackson parece estar a recuperar a passos largos e, em breve, viverá sem nenhuma condicionante!

MALTRATAR ANIMAIS – CRIME

No Brasil, maltratar animais de qualquer espécie é considerado CRIME AMBIENTAL, segundo prevê o art. 32 da Lei nº 9.605, de1998, com pena de detenção de três meses a um ano e multa. Além da violência física, são considerados maus tratos contra os animais: o abandono em via pública; mantê-lo permanentemente acorrentado; não abrigar do sol e da chuva; mantê-lo em local pequeno, não higiênico e/ou sem ventilação adequada; não alimentar diariamente; negar assistência ao ferido; obrigar o animal a trabalho excessivo, etc.

Se você presenciar algum ato de violência contra algum bichinho, faça o seguinte:

1 – chame alguém para ser testemunha do ocorrido ou registro o que aconteceu (por meio de fotos ou filmagens); 2 – anote o maior número de dados para instrução do processo (data, local do fato, como aconteceu, quem estava envolvido, etc); 3 – entre em contato imediatamente com a polícia para lavrar um boletim de ocorrência ou para pegar o agressor em flagrante (é interessante dizer à polícia que se trata de um crime ambiental, condenado pela art. 32 da Lei nº 9.605, para que a polícia tenha ciência de que está tratando com uma pessoa bem informada sobre os direitos dos animais); 4 – na delegacia devem ser lavrado um Termo Circunstanciado para abertura do inquérito policial que irá processar o crime (mantenha sempre a calma ao lidar com a polícia e relate todo o ocorrido, com a maior riqueza de detalhes possível); 5 – se você não for tratado adequadamente pela polícia, ou se eles não seguirem o dever legal deles, entre em contato com a Corregedoria de Polícia e relate o que ocorreu, citando o nome dos policiais envolvidos.

Uma observação final é que se deve ter certeza de que há uma agressão, não basta apenas desconfiar de que alguém está judiando de um bichinho, uma vez que denunciar falso crime também tem implicações. Apesar da pena contra esse crime seja muito branda, é extremamente importante que os responsáveis pelos maus tratos sejam responsabilizados. Para que passem a ter antecedentes criminais e para servirem de exemplos aos que acham que nada acontecerá contra quem mal trata animais. Não tenham medo de denunciar e fazer valer a lei! Compartilhe essa história se é contra os maus tratos animais!

Leave your vote

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Close
of

Processing files…